Barra de vídeo

Loading...

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Bernal diz que diretores foram exonerados para acabar com 'vícios que prejudicavam comunidade'

Por: Heloísa Lazarini e Fabiola Camilo
O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP) justificou exoneração dos diretores de Centros de Educação Infantil (Ceinfs) e Escolas Municipais atendeu critérios técnicos.
Bernal alegou que exoneração foi para ‘acabar com vícios que prejudicavam escolas’, porém, questionado pela imprensa quais seriam esses vícios, o prefeito, não respondeu.
“Essa medida foi tomada para oxigenar escolas e Ceinfs, para melhorar. Vamos acabar com os vícios e costumes que prejudicam a comunidade que não criam ambiente proativo para escola”, disse Bernal.

A suspeita de muitos exonerados e também de vereadores da Capital é que as exonerações tenham cunho político. Alguns ex-diretores conversa com MS Notícias e disseram que se negaram a participar da reunião política do grupo de Bernal que aconteceu na terça-feira(16) no Buffet La Riviera, e acreditam que isso possa ter sido motivo da exoneração, que ocorreu no dia seguinte.Desde quarta-feira (17), quando foi publicada no Diário Oficial, em edição extra às 22 horas, alista com nomes de 47 diretores exonerados, o prefeito tem sido alvo de críticas de vereadores, professores, e também de pais de alunos que organizam protestos contra exoneração em apoio aos diretores.
Outros contam que foram à reunião, mas se recusaram a assinar uma ficha de filiação partidária entregue no evento. Na sessão desta quinta-feira (18) na Câmara Municipal, o vereador Chiquinho Telles (PSD) mostrou à imprensa e ficha e exigiu que Casa investigue o caso

Nenhum comentário:

Postar um comentário