Barra de vídeo

Loading...

segunda-feira, 28 de março de 2016

Jovem diz que matou a facadas porque teve casa furtada 3 vezes por vítima

Ele foi preso em casa

  • Laercio confessou a autoria do crime. (Foto: Divulgação)
  • Geovano Benites da Silva, 19 anos, acusado de matar Laercio Correa Pinto, 27, no dia 15 de dezembro do ano passado, no Bairro Aero Rancho, em Campo Grande, foi preso pela Polícia Civil. Ele disse que matou a vítima porque a mesma havia furtado sua casa três vezes, além de roubar a motocicleta do seu padrasto.

    Em diligências, policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) da 5ª Delegacia de Polícia Civil da Capital localizaram a casa onde Geovano estava morando. Durante abordagem, ele confessou a autoria do homicídio.
    Segundo ele, Laercio teria furtado a residência de sua mãe por três vezes, e que na ocasião teria ido conversar pedindo para que o mesmo devolvesse os bens de sua família, porém não foi atendido. Posteriormente seu padrasto teve a moto roubada pela vítima.
    Após saber do episódio, no dia seguinte foi até a casa em que Laercio estava morando e desferiu alguns golpes de faca contra o mesmo. Diante dos fatos, os policiais iniciaram uma investigação, e conseguiram chegar a autoria do crime, bem como a motivação do homicídio.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário